Docentes do Cefet/RJ aprovam estado de greve e paralisação na 2a feira (24/10)

cartaz-24-de-outubro

Estado de Greve e Paralisação em 24/10

Em assembleia ocorrida na manhã desta 6a feira (21/10), os/as docentes do Cefet/RJ aprovaram o estado de greve e a paralisação das atividades, com atos e mobilizações, na próxima 2a feira (24/10).

As atividades fazem parte do calendário de luta e mobilização dos servidores públicos, centrais sindicais, movimento estudantil e movimentos sociais contra as diversas investidas do Governo Temer e das elites sobre os trabalhadores e os serviços públicos, como a PEC 241, que congela o orçamento público por 20 anos, as contrarreformas trabalhista e previdenciária, a contrarreforma do Ensino Médio (MP 746), o projeto Escola Sem Partido (Escola com Mordaça) e o PLS 54 (antiga PLP 257), que congela as progressões e os salários dos servidores e prevê a demissão no serviço público.

No dia da paralisação, 24/10, 2a feira, Dia Nacional de Luta dos Servidores Públicos, ocorrerá, na Unidade Maracanã do Cefet/RJ, às 9h, reunião do Comitê Local de Mobilização, aberta a docentes, técnico-administrativos, terceirizados e estudantes, visando construir ações conjuntas relativas às pautas de luta e, às 17h, na Cinelândia, ocorrerá a concentração para o ato unificado contra a aprovação da PEC 241.

A assembleia indicou que os Núcleos de Base da Adcefet-rj nas unidades descentralizadas do Cefet/RJ (ou, onde estes ainda não existam, coletivos de professores) organizem no dia 24/10 atividades relativas ao Dia de Luta ou somem esforços para as mobilizações na Unidade Maracanã.

Greve geral

803701986_117709Adicionalmente, foi aprovada realização de uma próxima assembleia da categoria na 3a feira (01/11), às 14h, tendo como pauta a deflagração da greve dos professores do Cefet/RJ, e indicada para a reunião do Setor das IFE do Andes-SN o encaminhamento de realização de uma rodada de assembleias nas diversas seções sindicais do sindicato para pautar a deflagração de greve nacional até o dia 11/11, na perspectiva da construção de uma greve da educação federal e da greve geral.

A assembleia debateu o encaminhamento vindo da última reunião do Setor das IFE do Andes-SN, no qual a deflagração da greve geral estava condicionada à construção de um consenso entre as centrais sindicais. Tendo em vista, entretanto, os diversos adiamentos, nos fóruns de debate entre as centrais, da data indicada para o início da greve geral (primeiro, de 09 para 11/11 e, depois, para 25/11), a assembleia avaliou que a conjuntura exige uma ação rápida e contundente dos trabalhadores, principalmente por conta da tramitação da PEC 241. A decisão por não vincular a deflagração de greve do ANDES-SN a um acordo entre as centrais visa indicar ao sindicato nacional que o mesmo tome o protagonismo desta luta, que se mostra forte, por exemplo, na ocupação pelo movimento estudantil de mais de 1.000 escolas por todo o país.

Outras lutas

803716806_117478A assembleia deliberou, na discussão de outras questões, por enviar à Direção-Geral do Cefet/RJ consulta sobre a resposta dada ao MPF sobre a recomendação deste órgão de implantação do ponto eletrônico no Cefet/RJ. A proposta surgiu a partir das discussões realizadas no âmbito do Comitê Local de Mobilização.

Outras propostas surgidas no espaço do comitê, como o modelo de construção da regulamentação da jornada de 30h para os servidores técnico-administrativos, demanda que tem o apoio da Adcefet-rj, foi encaminhado pela Assembleia para a seção sindical dos TAEs do Cefet/RJ que está em processo de (re)fundação, como retomada da luta iniciada durante a greve de 2012.

Ao final da assembleia, os docentes aprovaram moção de repúdio às ações do MPF-RJ no Colégio Pedro II, compreendendo a proibição de cartazes com o “Fora Temer” nas instalações da escola, ameaças de processos contra a instituição e intimação para tomar depoimento dos coordenadores do Sindicato dos Servidores do Colégio Pedro II (Sindscope).

Confira abaixo o calendário de mobilização e participe das atividades:

  • 24/10 Dia Nacional de Luta dos Servidores Públicos – Paralisação com atos e mobilizações:
    • 9h –  REUNIÃO DO COMITÊ LOCAL DE MOBILIZAÇÃO – Docentes, Estudantes, Técnico-administrativos e terceirizados
      (CEFET-RJ MARACANÃ – Encontro: Sala da Adcefet-rj)
    • 17h – ATO UNIFICADO contra a PEC 241 – Concentração na Candelária
  • 01/11 – 14h – ASSEMBLEIA GERAL DA ADCEFET-RJ no Bosque da Unidade Maracanã para pautar a deflagração da greve dos professores do Cefet/RJ
  • 05/11 e 06/11 – Reunião do Setor das IFE do ANDES-SN

 

Anúncios

2 Respostas para “Docentes do Cefet/RJ aprovam estado de greve e paralisação na 2a feira (24/10)

  1. Pingback: Convocada assembleia da Adcefet-rj para pautar a deflagração da greve | ADCEFET-RJ Seção Sindical·

Deixe uma resposta para Matheus Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s